Tasso Jereissati e Marconi Perillo selam acordo em prol de Geraldo Alckmin

Depois de quase um mês de disputa entre duas candidaturas para a presidência do partido, o PSDB chegou a um acordo em torno do governador Geraldo Alckmin (SP).Ontem, o senador Tasso Jereissati (CE) e o governador Marconi Perillo (GO) retiraram seus nomes da disputa, em favor do tucano paulista.O acordo entre os três foi selado em um jantar no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, com a presença do ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso.A costura dá poder e fortalece o nome de Alckmin como pré-candidato ao Planalto em 2018 pelo PSDB.Alckmin já vinha indicando que aceitaria ser candidato ao comando da sigla se Tasso e Perillo saíssem da disputa. O primeiro sinal veio de Tasso, com quem o governador paulista conversou na última quinta (23).