Reitor afastado da UFSC é encontrado morto em shopping de Florianópolis

O reitor afastado da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Luiz Carlos Cancellier, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (2) no Beiramar Shopping, em Florianópolis. Ele estava afastado da direção da instituição por determinação judicial. Cancellier, de 59 anos, e outras seis pessoas foram presas no dia 14 de setembro e liberadas no dia seguinte. O grupo estava sendo investigado na Operação Ouvidos Moucos, da Polícia Federal, que apura desvio de recursos em cursos de Educação a Distância (EaD) oferecidos pelo programa Universidade Aberta no Brasil (UAB) na UFSC. Por meio de nota, a assessoria do estabelecimento informou que o reitor afastado se jogou da escada do piso L4, caindo no vão central do shopping, por volta das 10h30. A Polícia Militar e o Instituto Médico Legal (IML) confirmaram a identidade da vítima. A UFSC se pronunciou, também por meio de nota, afirmando que “pró-reitorias e secretarias da Administração Central paralisaram as atividades a partir das 11h, em função do trágico acontecimento”.