Não convidem pra mesma mesa… Secretários de Turismo do estado e da prefeitura “batem boca” em grupo de whatsapp

Governo do Estado e Prefeitura de Salvador voltam a escalar titulares para disputar “pai da criança”. Na rodada deste feriado, dia 15 de novembro, os secretários de Turismo, Zé Alves (estadual) e Cláudio Tinoco (prefeitura), trocaram “farpas” sobre a realização da Regata Jacques Vabre em um ‘famoso’ grupo de whatsapp. O chefe da pasta estadual deu a largada para a discussão ao afirmar que a prefeitura de Salvador “tem que rever suas taxas”. Escreveu que há uma anseio grande por arrecadação, sem apresentação de contrapartida. “E ainda tome-lhe pedido na Câmara de empréstimo nos Bancos. Precisamos entender o real ‘planejamento’ da prefeitura”, questionou. Zé Alves continuou narrando o que, para ele, é um descumprimento de acordo. “Com a prefeitura não tem acordo certo. Trouxemos a Jacques Vabre e combinamos que todas as marcas seriam expostas sempre. A primeira amostra do acerto foi a placa na Paralela só com a marca da Prefeitura”. O secretário revelou ainda que os spots, comerciais em emissoras televisas, também só foram veiculados com as publicidades da prefeitura. “Solução para o turismo de sol e praia ainda não aconteceu. Eventos e mais eventos e quebrando quem fazia eventos com tanto imposto. Sócio sem arriscar nada”, criticou o secretário estadual. Após algum tempo, o secretário municipal respondeu. Inicialmente, Tinoco afirma que estava viajando a trabalho e que só naquele momento havia conseguido ler tudo para elaborar uma resposta. Escreveu um longo texto endereçado a Zé Alves.

Caro Secretário José Alves, a Prefeitura de Salvador cumpre com seus acordos e compromissos. Este é um princípio essencial desta gestão. Assim está sendo com a Regata Transat Jacques Vabre, cujo Protocolo de Compromisso foi assinado por Vossa Excelência e este secretário. Portanto, conhecemos bem os seus termos para afirmar que estamos cumprindo até mais do que nos comprometemos formalmente. Em relação às marcas que assinam a programação visual da Regata, inclusive da Vila da Regata e suas atrações que são de responsabilidade da Prefeitura, estão todas compondo todas as peças, algumas publicadas por nós neste grupo e nas redes sociais até pessoalmente pelo Prefeito ACM Neto. Além disso, em toda a comunicação da Prefeitura, assim como nos atos associados à Regata, como na última segunda-feira, a participação do Governo do Estado foi informada, inclusive ressaltada pelo Prefeito ACM Neto, conforme V.Exa. testemunhou e a imprensa reproduziu. Em relação aos painéis e aos comerciais, como já havia comunicado a V.Exa. por ofício, tratam-se de publicidade extra paga pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Comunicação, em conformidade com o que foi estabelecido em reunião com a organização da Regata e com a presença de representantes da Prefeitura e do Estado, em agosto. Essa publicidade paga pela Prefeitura, além de já comunicada, está sendo essencial para a maior divulgação e atração do público local, compromisso nosso firmado com os organizadores de popularizar a Regata. Essa mesma possibilidade de assinatura individual foi praticada pelo Governo do Estado, através da Setur e Bahiatursa, no stand da Vila da Regata em Le Havre, conforme foto e ofício que lhe transmiti, sem me queixar por compreender que aquela era também uma ação extra e paga pelo Estado. Como já havia lhe sugerido, peça apoio da Secom estadual e até mesmo para o Governador apoiar mais a Regata. Afinal, depois de dez anos, exatamente no período em que o PT assumiu o governo da Bahia, deixamos de receber as regatas internacionais. O seu empenho foi importantíssimo para complementar o investimento da Prefeitura e voltarmos a atrair esse evento para Salvador e a Bahia. Merece mais apoio do Governador. Ele deveria fazer o que o Prefeito ACM Neto fez, ir lá receber os skippers, dar uma palavra de apoio, publicar no seu perfil pessoal nas redes sociais, autorizar publicidade paga pelo Estado. O que não ocorreu até este momento. O Prefeito é convicto da importância do evento, e já manifestou publicamente o desejo junto a organização para a Regata voltar a Salvador na próxima edição, em 2019. Como lhe disse formalmente, reitero aqui que iremos cumprir integralmente nossa parceria. Atenciosamente.

Zé Alves não deixou Tinoco sem resposta. De acordo com ele, “o governador está apoiando tudo, só não tem tanto tempo livre como o Prefeito tem. Não programamos propaganda porque esperamos fazer tudo juntos. Tudo bem. Vale experiência para próxima. Já sabemos como funcionará”. Sobre a regata, o secretário estadual afirmou que sempre apoiarão eventos deste “naipe”.