Mulher é presa no Aeroporto de Salvador com ecstasy líquido vindo de Portugal

Uma mulher, de nacionalidade brasileira, foi presa no Aeroporto de Salvador, na madrugada desta quarta-feira (22), transportando 4,5 litros de ácido GHB (Gamahidroxibutírico), popularmente conhecido como ecstasy líquido, embora tenha efeitos mais potencializados na versão líquida. A droga estava armazenada em três garrafas. A passageira, de 28 anos, partiu de Portugal em um voo da TAP e tinha como destino a cidade de Vitória, capital do Espírito Santo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *