Criança é mordida por capivara na Av. Beira Rio, em Itabuna

Enquanto caminhava com um adulto, pela Avenida Beira Rio, no Centro de Itabuna, uma criança foi atacada por uma capivara. O fato aconteceu próximo ao Shopping Jequitibá. A vítima foi socorrida para o hospital Manoel Novaes, onde teve um dos braços suturados, em decorrência do profundo ferimento, provocado por uma mordida. O ataque, que aconteceu no último dia 09, só veio à tona, após a mãe postar fotos na rede social (veja abaixo), alertando sobre o risco que correram ao passar pela localidade. A presença desses animais é comum na Beira Rio, mas casos de ataques não haviam sido registrados ou pelo menos se tornado públicos até esse da criança. Segundo especialistas, a capivara é um animal herbívoro (come apenas plantas) e não costuma ser agressivo. Em situações como essa, em que a criança foi atacada, o animal poderia estar estressado por algum fato ao seu redor. Veterinários recomendam para não alimentar ou tentar domesticar animais silvestres. É importante ligar para a Polícia Ambiental ou o Corpo de Bombeiros diante de um “encontro casual” com animais desse tipo. A mãe da criança entrou em contato com Verdinho Itabuna e informou que não estava com a filha no momento que ela foi atacada pela capivara, e sim com outra pessoa; “Eu estava no meu trabalho, e minha filha com uma pessoa de confiança, infelizmente aconteceu o ocorrido”.  Segundo a mesma, ela fez o post no Facebook para alertar outras pessoas que andam pela beira-rio e até param para fazer fotos. Vale ressaltar que a mordida de capivara pode provocar doenças bacterianas, além de oferecer riscos de transmissão da febre maculada, através do carrapato estrela, muito encontrado nas capivaras.